• Andresa Forster

O motivo da fuga

Trabalho, trabalho, trabalho...


Exige dedicação, estudo, planejamento, observação. Neste momento então, novos olhares, aprendizados, mudanças, perspectivas diferentes.


Algumas vezes nos dedicamos muito ao trabalho. Alguns até reclamam do tempo que “tem que” dedicarem-se à ele.


Mas hoje venho propor uma reflexão para o motivo de tanto trabalho. Para alguns, certamente, é uma necessidade real tamanha dedicação, principalmente na atual situação.


Para outros, no entanto, pode ser uma forma de não olhar para algo que não está muito legal, fora do trabalho. Evitar olhar para a dor, para a perda, para o término. E aí, um trabalho, uma atividade física, ou qualquer coisa que você mergulhe profundamente, quase esquecendo que há vida além daquilo, pode ser uma forma de se esconder de si mesmo(a), distraindo-se com algo diferente, mudando o foco.


O primeiro passo para lidar com isso é ter consciência de que você está nessa situação, que de forma alguma é uma vergonha ou fraqueza. Só o fato de perceber-se nesse movimento, já pode ser suficiente para que você escolha sair dele.


Busque ajuda, se precisar ou quiser, mas perceba-se.


#BemEstarZen #Thetahealing #BarrasdeAccess #Acupuntura #FloraisdeBach #Reiki #PenseSintaExperimente




  • Preto Ícone Instagram
  • Black Facebook Icon