• Andresa Forster

Você tem calado o seu coração?

Vou lhe propor um exercício agora...


Experimente se lembrar de como você era até uns 6, 7 anos. O que você fazia? Do que você brincava? Com quem brincava? Você brincava? Com o que você sonhava? O que você queria ser?


Se possível, anote todas as lembranças que lhe vieram à mente. Se for muito, muito difícil lembrar de algo, pergunte aos que conviveram com você na época da sua infância.


A ideia desse exercício é lhe lembrar que, em algum momento, muito provavelmente, algo lhe fez brilhar os olhos. E esse brilho nos olhos ao conseguimos quando acessamos o nosso coração.


Não o coração romântico, mas sim a nossa essência, a nossa conexão com o sagrado em nós e no universo.


É comum nos perdermos de nós mesmos quando passamos a agir motivado apenas pelo racional, ignorando os nossos sentimentos mais profundos, mais sagrados, mais sábios. Será que você tem feito isso?


Perceba como anda o seu coração. Ele está presente nas suas tomadas de decisão, no dia a dia? Ou você o tem calado?


Mantenha-se conectado ao seu coração, aquilo que lhe é sagrado. Mantenha seu coração pulsando.


11 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Legado

  • Preto Ícone Instagram
  • Black Facebook Icon